Cuidados essenciais para manter seu carro em excelente estado

Cuidados essenciais para manter seu carro em excelente estado

BANNER-TOPO-MATERIA-CUIDADOS-ESSENCIAIS-CARRO

Seja você um entusiasta apaixonado por automóveis ou alguém que encara o carro como um fiel companheiro nas jornadas diárias, a verdade é que todos desejamos que nosso veículo esteja sempre em ótimo estado de funcionamento.

A manutenção adequada não apenas garante uma performance consistente, mas também prolonga a vida útil do veículo, evita despesas inesperadas e, acima de tudo, contribui para a segurança nas estradas.

Nesta matéria, embarcaremos em uma jornada pelos cuidados gerais essenciais que todo proprietário de carro deve ter em mente. Desde a atenção básica aos fluidos e pneus até dicas especializadas para proteger a pintura e os sistemas eletrônicos, desvendaremos os segredos para manter seu automóvel em excelente estado.

Prepare-se para descobrir como pequenas ações cotidianas podem fazer toda a diferença no desempenho e na durabilidade do seu querido veículo. Vamos juntos desbravar o fascinante mundo automotivo, aprendendo a cuidar do seu carro com carinho e conhecimento.

5 ITENS ESSENCIAIS PARA CUIDAR DO SEU CARRO

BANNER-TOPO-MATERIA-5-ITENS-CUIDAR-CARRO

Cuidar do seu veículo é essencial para garantir não apenas sua durabilidade, mas também a segurança e o desempenho ao longo do tempo.

Os cuidados com o carro vão além da simples manutenção mecânica, abrangendo aspectos que vão desde a limpeza externa até a atenção aos fluidos internos. Neste contexto, adotar práticas regulares de cuidado automotivo não apenas preserva o valor do investimento, mas também contribui para a eficiência do veículo e para a segurança dos ocupantes.

A importância de uma abordagem abrangente na manutenção veicular, desde a escolha de produtos adequados até a atenção aos sinais de desgaste, proporciona aos proprietários as ferramentas necessárias para promover um desempenho consistente e uma longa vida útil para seus veículos.

Quem ama, cuida!

O relacionamento entre as pessoas e seus carros vai muito além da mera posse de um meio de locomoção. Adquirir o tão sonhado carro próprio muitas vezes representa mais do que a conquista de um objeto: é a realização de um sonho! Um símbolo tangível de esforço, perseverança e conquista pessoal. O processo de adquirir um veículo muitas vezes envolve anos de trabalho árduo, economias meticulosamente acumuladas e, por vezes, sacrifícios financeiros.

O carro torna-se uma extensão do eu, refletindo o estilo de vida, a personalidade e até mesmo os valores de quem o possui. Esse vínculo emocional muitas vezes se desenvolve durante o processo de escolha, onde cada detalhe, desde o modelo até a cor, é cuidadosamente ponderado. A sensação de ter as próprias chaves do carro nas mãos é frequentemente acompanhada de uma mistura de emoções, que vai desde a excitação até um profundo senso de realização.

A manutenção e cuidado com o veículo são, portanto, encarados como investimentos contínuos não apenas na preservação do patrimônio, mas na manutenção de um vínculo emocional. Lavagens regulares, revisões periódicas e até mesmo pequenos gestos de personalização representam expressões tangíveis desse afeto. Além disso, o carro muitas vezes se torna parte de memórias significativas, como viagens inesquecíveis, conquistas pessoais e momentos compartilhados com entes queridos.

Assim, a relação entre as pessoas e seus carros é profundamente enraizada em emoções e esforços pessoais, transformando um simples veículo em um símbolo de jornadas individuais e, por vezes, coletivas.

5 itens muito legais para cuidar do seu carro

1. Pretinho para pneus

O “pretinho” para pneus de carro é um tipo de revitalizador de borracha que é utilizado para realçar o brilho e a aparência escura dos pneus.

Geralmente, esse produto é aplicado em forma líquida ou gel, e contém agentes condicionadores e protetores que ajudam a restaurar a cor original da borracha, além de fornecer outros benefícios.

Brilho e aparência estética: O principal propósito do pretinho é realçar o brilho dos pneus, proporcionando uma aparência mais escura e atraente. Isso não apenas melhora o aspecto estético do veículo, mas também contribui para a preservação da aparência original dos pneus.

Proteção contra raios UV: Muitos pretinhos para pneus contêm agentes protetores contra raios ultravioleta (UV). A exposição constante aos raios UV pode causar o envelhecimento prematuro da borracha, levando a rachaduras e descoloração. O pretinho ajuda a minimizar esses efeitos, prolongando a vida útil dos pneus.

Hidratação e condicionamento: A borracha dos pneus pode ficar ressecada ao longo do tempo, especialmente em condições climáticas adversas. O pretinho geralmente contém substâncias hidratantes e condicionadoras que ajudam a manter a flexibilidade da borracha, reduzindo o risco de rachaduras.

Repelência à água: Alguns produtos pretinhos possuem propriedades repelentes à água. Isso pode ser útil para evitar que a água se acumule nos pneus, o que contribui para a segurança ao dirigir em condições de chuva.

Aplicação fácil: A maioria dos pretinhos é de fácil aplicação. Eles vêm em diferentes formas, como aerossol, spray ou gel, e geralmente só requerem a aplicação uniforme sobre a superfície do pneu. Além disso, muitos produtos secam rapidamente.

Ao aplicar o pretinho, é importante seguir as instruções do fabricante para garantir resultados eficazes e duradouros. É recomendável limpar os pneus antes da aplicação para remover sujeira e resíduos, proporcionando uma aderência melhor do produto à superfície.

BANNER-TOPO-MATERIA-5-ITENS-CUIDAR-CARRO-02

IMPORTANTE: o uso excessivo de pretinho pode tornar os pneus escorregadios, especialmente em superfícies molhadas, e pode resultar em respingos indesejados na carroceria do veículo. Portanto, a moderação na aplicação é a chave para obter os melhores resultados estéticos e de proteção.

2. Esteira

A esteira para entrar embaixo do carro, também conhecida como rampa plástica ou rampa de plástico com rodas, é uma ferramenta útil para facilitar o acesso à parte inferior do veículo durante trabalhos de manutenção ou reparos.

Geralmente, esse tipo de esteira é projetado para ser usado por entusiastas de carros amadores ou proprietários que desejam realizar pequenas tarefas de manutenção por conta própria.

Saiba como usar, seus benefícios e cuidados que você vai precisar ter com esse tipo de esteira:

Uso:

Facilitação de acesso: A esteira de plástico com rodas é projetada para permitir que os usuários deslizem confortavelmente sob o veículo, proporcionando um espaço mais acessível para realizar tarefas como troca de óleo, inspeção de componentes, ou outras atividades de manutenção.

Mobilidade: As rodas na esteira facilitam o movimento sob o carro, permitindo que os usuários se desloquem de um lado para o outro com mais facilidade. Isso é especialmente útil ao trabalhar em áreas mais extensas do veículo.

Benefícios:

Conforto e ergonomia: Ao contrário de se deitar diretamente no chão duro, a esteira proporciona um ambiente mais confortável para trabalhar, reduzindo a pressão sobre as costas e proporcionando melhor acesso aos componentes do veículo.

Proteção pessoal: A esteira também atua como uma barreira física entre o usuário e o solo, protegendo roupas e pele contra sujeira, graxa e outros detritos presentes sob o veículo.

Durabilidade e fácil limpeza: Muitas destas esteiras são feitas de plástico resistente, o que as torna duráveis e fáceis de limpar. Após o uso, é possível limpar a esteira com água e detergente para remover sujeira e resíduos.

BANNER-TOPO-MATERIA-5-ITENS-CUIDAR-CARRO-03

Cuidados:

Superfície nivelada: Ao usar a esteira, é importante garantir que o veículo esteja estacionado em uma superfície nivelada e segura para evitar qualquer movimento inesperado.

Capacidade de peso: Verifique a capacidade de peso da esteira para garantir que ela seja adequada para o veículo em questão. Isso é especialmente importante se você estiver lidando com veículos maiores, como caminhonetes ou SUVs.

Armazenamento adequado: Armazene a esteira em um local adequado para evitar danos. Certifique-se de que ela não está exposta a condições climáticas extremas que possam comprometer sua integridade.

Inspeção regular: Antes de cada uso, faça uma inspeção rápida para garantir que a esteira não tenha danos visíveis que possam comprometer sua funcionalidade ou segurança.

Lembrando que, embora as esteiras de plástico com rodas proporcionem conforto e facilidade ao realizar trabalhos sob o carro, a segurança deve ser sempre priorizada. Se você não se sentir confortável ou seguro ao realizar determinados reparos, é recomendável procurar a ajuda de um profissional qualificado.

Esteira Plastica Tramontina Com Encosto

3. Aspirador

A higienização do interior do carro é fundamental para garantir um ambiente limpo, saudável e agradável durante as viagens.

O uso de aspiradores, tanto convencionais quanto portáteis específicos para carros, é uma prática eficaz para remover poeira, sujeira e detritos do interior do veículo.

Aspirador convencional:

Potência de sucção: Os aspiradores convencionais, muitas vezes, têm uma potência de sucção mais elevada em comparação aos portáteis. Isso os torna eficazes na remoção de sujeira mais pesada, como migalhas de alimentos e poeira acumulada.

Versatilidade: Os aspiradores convencionais geralmente vêm com uma variedade de acessórios, como escovas e bicos estreitos, que permitem alcançar áreas de difícil acesso no interior do carro, como frestas entre os assentos e painéis.

Cabo de alimentação: A principal limitação dos aspiradores convencionais é o fato de que eles dependem de uma fonte de energia externa. Isso pode ser inconveniente ao limpar o interior do carro, especialmente se não houver uma tomada de energia nas proximidades.

Aspirador Electrolux Agua e Po Aqp20 1250w

Aspirador portátil para carro:

Portabilidade: Os aspiradores portáteis são projetados para serem compactos e leves, o que facilita o transporte e uso no interior do carro. Eles geralmente funcionam com baterias recarregáveis ou conectam-se ao acendedor de cigarros do veículo.

Praticidade: A principal vantagem é a praticidade. Com um aspirador portátil, você pode realizar a limpeza do carro em qualquer lugar, sem depender de uma fonte de energia externa.

Manuseio fácil: Os aspiradores portáteis normalmente são mais fáceis de manusear em espaços confinados, como o interior de um carro. Eles também são eficazes na remoção de poeira, migalhas e pelos de animais.

Tempo de uso limitado: A desvantagem é que, devido ao tamanho compacto e à capacidade da bateria, o tempo de uso contínuo pode ser limitado. Isso pode ser uma consideração importante ao lidar com trabalhos de limpeza mais extensos.

Dicas para a higienização do carro com aspiradores

  • Remova itens soltos: Antes de começar a usar o aspirador, remova objetos soltos e itens pessoais do interior do carro.

  • Limpeza regular: Realize a limpeza regularmente para evitar o acúmulo de sujeira e a formação de odores indesejados.

  • Atenção aos detalhes: Utilize os acessórios apropriados para atingir áreas de difícil acesso, como cantos, frestas e áreas entre os assentos.

  • Higienização dos acessórios: Caso o aspirador tenha acessórios removíveis, como filtros, certifique-se de limpar e higienizar esses componentes regularmente para manter a eficácia do aspirador.

Seja qual for o tipo de aspirador escolhido, a higienização regular do interior do carro contribui significativamente para um ambiente mais saudável, confortável e agradável durante as viagens.

4. Chave de filtro de óleo

A chave de filtro de óleo é uma ferramenta projetada especificamente para facilitar a remoção e instalação de filtros de óleo em veículos.

Este tipo de chave é uma parte essencial do kit de ferramentas de muitos entusiastas de carros e mecânicos profissionais. Saiba como usar e as vantagens da chave de filtro de óleo:

Uso:

Remoção do filtro de óleo: A principal função da chave de filtro de óleo é facilitar a remoção do filtro de óleo antigo. Esses filtros costumam ser apertados com força durante a instalação e, sem a ferramenta adequada, podem ser difíceis de serem removidos.

Instalação do filtro novo: Além da remoção, a chave de filtro de óleo também é útil na instalação do novo filtro. Ela ajuda a apertar o filtro de forma adequada, garantindo uma vedação eficaz e evitando vazamentos de óleo.

Diversidade de tamanhos: Existem diferentes tamanhos e tipos de chaves de filtro de óleo para atender a uma variedade de modelos de veículos e tamanhos de filtros. É importante escolher a chave certa para garantir um encaixe seguro no filtro.

Vantagens:

Facilita a manutenção: A chave de filtro de óleo torna a manutenção do veículo mais fácil e eficiente. Ela permite que os proprietários de carros e mecânicos realizem a troca de óleo de forma mais rápida e sem grandes esforços.

Evita danos ao filtro: Ao usar uma chave de filtro de óleo, há menos probabilidade de danificar o filtro ou a superfície circundante durante o processo de remoção. Isso é importante para garantir uma substituição suave e evitar vazamentos de óleo no futuro.

Mais alcance em espaços apertados: Algumas chaves de filtro de óleo são projetadas para fornecer mais alcance em espaços apertados, o que é útil quando o filtro de óleo está localizado em uma área de difícil acesso no compartimento do motor.

Durabilidade e reutilização: Muitas chaves de filtro de óleo são fabricadas com materiais duráveis, como aço, o que as torna robustas e capazes de suportar forças consideráveis. Além disso, muitas dessas chaves são reutilizáveis, proporcionando uma vida útil longa.

Dicas de Uso:

Apertar com a Força Adequada: Ao instalar um novo filtro, é importante apertá-lo com a força recomendada pelo fabricante do veículo. O uso da chave de filtro de óleo facilita a aplicação da força necessária de maneira controlada.

Verificar Compatibilidade: Antes de usar a chave, certifique-se de que ela seja compatível com o tamanho e o tipo do filtro de óleo do seu veículo.

Manutenção da Chave: Limpe e lubrifique a chave de filtro de óleo regularmente para garantir seu bom funcionamento e durabilidade.

Em resumo, a chave de filtro de óleo é uma ferramenta valiosa que simplifica o processo de manutenção do filtro de óleo, tornando-o mais eficiente e menos propenso a danos. Ela é uma adição útil ao conjunto de ferramentas de qualquer entusiasta de carros ou profissional de manutenção automotiva.

Chave para Filtro de Oleo Tramontina 110-121MM

5. Bombona de combustível

A bombona ou galão de combustível é um recipiente portátil projetado para armazenar e transportar combustível de maneira segura.

Ter uma bombona de combustível pode ser crucial em situações de emergência ou em circunstâncias em que o acesso a postos de combustível é limitado.

Vantagens:

Reserva de combustível: Em emergências como desastres naturais, evacuações ou interrupções no fornecimento de combustível, uma bombona cheia pode servir como uma reserva imediata. Isso é especialmente útil se você precisar evacuar rapidamente e não tiver acesso a postos de combustível.

Viagens longas ou isoladas: Ao viajar para áreas remotas ou em estradas onde os postos de combustível são escassos, ter uma bombona de combustível pode fornecer uma garantia adicional de que você não ficará sem combustível, evitando contratempos indesejados.

Preparação para emergências: Fazer parte de um kit de preparação para emergências é uma prática sensata. Uma bombona de combustível pode ser incluída em um kit de suprimentos de emergência para garantir que você tenha uma fonte de combustível disponível em caso de desastres naturais, apagões prolongados ou outras situações críticas.

Resgate e ajuda mútua: Em situações de emergência, ter uma bombona de combustível também pode ser útil para ajudar outras pessoas. Se você tiver capacidade de compartilhar combustível com alguém que precisa, isso pode ser crucial em situações de resgate ou evacuação.

Cuidados Importantes:

Segurança: O transporte e armazenamento de combustível devem ser realizados com extrema segurança. Certifique-se de seguir as regulamentações locais e nacionais sobre o armazenamento de combustível e use recipientes apropriados.

Ventilação adequada: Mantenha a bombona em uma área bem ventilada e afastada de fontes de calor ou chamas. Os vapores de combustível podem ser inflamáveis e representar riscos.

Rotulagem: Rotule claramente o conteúdo da bombona para evitar confusões e garantir o uso seguro.

Troca regular: O combustível armazenado por longos períodos pode se deteriorar. Certifique-se de usar e substituir periodicamente o combustível armazenado para garantir sua eficácia.

É importante ressaltar que o transporte e armazenamento de combustível são atividades que devem ser realizadas com muita responsabilidade, e é essencial cumprir todas as normas e regulamentos locais relacionados à segurança e manipulação de combustíveis.

COMO PROTEGER SEU CARRO CONTRA SOL, CHUVA, POEIRA E OUTROS DETRITOS

BANNER-TOPO-MATERIA-PROTEÇÃO-CARRO

Se no momento a única opção para você é deixar o seu carro em uma área externa, você está ciente que ele está sujeito a danos solares, pelas chuvas cada vez mais ácidas e também pelo acumulo de poeira.

Fora os animais que podem invadir seu carro e danificá-lo por dentro ou mesmo morar lá sem que você perceba. Como no caso de ratos, pombos e baratas. Vou te dar algumas dicas de como proteger seu carro contra o sol, chuva, poeira e animais.

Cuidados básicos para proteger o carro ao relento

Veja essa série de cuidados, que se seguidos, farão com que seu carro nunca perca o aspecto de novo mesmo estando exposto.

São dicas especiais para quem quer proteger o carro do sol, da chuva, da corrosão pelo tempo e por animais.

Quem é apaixonado por veículos precisa seguir essas dicas para manter sempre seu bom amigo em ótimo estado.

Encere seu carro

BANNER-TOPO-MATERIA-PROTEÇÃO-CARRO-2

Use uma boa cera para encerar seu carro, pois exposto ao tempo ele receberá alta incidência de raios UV, o que danifica a pintura ressecando, desbotando ou mesmo rachando.

É quando surge aquele chamado queimado de sol, uma mancha no carro que não sai.

Aplicando uma boa e espessa cera de longa duração com frequência, isso ajudará seu carro a não ressecar a pintura, reduzindo o desgaste pela exposição.

Faça a limpeza corretamente

Sempre que puder, ou quando perceber que seu veículo está com um aspecto fosco, ou empoeirado, não espere muito tempo para lavar.

A água da chuva que cai no seu carro, quando seca, deixa manchas pois é uma água suja, que contém poeira e outros poluentes.

Para proteger seu carro, faça a lavagem sempre na sombra, isso evitará que a lataria fique manchada ou marcada.

Após a lavagem, faça a secagem com um pano macio, use apenas produtos próprios para a lavagem de carros.

Faça uma cristalização se necessário.

Cristalização, o enceramento mais resistente

A cristalização é um processo que protege o verniz original do veículo através da utilização de resina protetora.

Tem também a finalidade estética de deixar a pintura do seu carro mais bonita, e claro, também tem a capacidade de proteger seu carro do sol e da chuva.

Além disso, a camada de cristalização impede que o dano por contato com superfícies, mãos ou objetos, aconteça.

Esse procedimento tem durabilidade de 6 meses e é semelhante ao enceramento.

A Solução mais robusta: vitrificação

Essa é uma forma robusta e duradoura para proteger seu carro que fica no sol e na chuva.

Só pode ser realizado em veículos com pintura perfeita, pois esse método agressivo criará uma camada protetiva que isolará a pintura.

Se tiver imperfeições elas permanecerão, por isso o ideal é que a pintura esteja integra para a correta aplicação do produto.

Sempre escolha bem o profissional pois esse é um procedimento que não pode ter erros, erros poderão comprometer a pintura do carro.

É aplicada uma resina sílica vítrea, conhecida também como vidro líquido, e essa resina tem durabilidade de 3 anos, dispensando enceramento e cristalização durante esses anos.

O lado bom da vitrificação é que oferece uma proteção eficiente contra o sol, chuva, poeira, fezes de animais, seiva de árvore, contato com objetos e com as mãos.

A alternativa indispensável: capa para carro

Mesmo que você faça o enceramento, cristalização, vitrificação ou qualquer outro procedimento que tenha o objetivo de proteger seu carro, o uso da capa protetora é indispensável.

Isso porque a capa é um produto barato quando comparada a outras formas de proteção, além de oferecer benefícios muito semelhantes, como a proteção do carro contra o sol, chuva, objetos e dejetos de animais.

Além, é claro de proteger da poeira e entrada de animais embaixo ou dentro das cavidades do carro.

Outra vantagem é a proteção extra para os faróis, seu farol ficará sempre com aspecto de novo, basta utilizar a capa com frequência e da forma correta, isso acontece, pois, a capa para carro protege do sol, o que evita que seus faróis fiquem amarelados.

Veja como escolher a melhor capa protetora para seu carro

Uma excelente capa protetora precisa garantir a segurança do seu veículo contra:

  • Raios ultravioleta
  • Sujeira
  • Sereno
  • Maresia
  • Dejetos de pássaros
  • Folhas
  • Poluentes
  • Partículas danificadoras da superfície
  • Poeira
  • Chuva

Se a capa se compromete a proteger desses elementos mesmo quando seu carro está em um ambiente externo, tem grandes chances de ser uma boa capa.

Além disso, certifique-se de que a capa é impermeável e forrada por dentro, o forro é essencial para evitar arranhões na pintura.

Opte por capas de cor cinza, pois proporcionam reflexão do sol, assim não retendo o calor excessivo na capa protetora.

Cuidados ao usar a capa protetora de veículo

Antes de adquirir sua capa você precisa se certificar de estar adquirindo no tamanho certo, existem diferentes tamanhos de capa, verifique com o vendedor se a capa protetora é adequada para o seu veículo.

Não coloque a capa em um carro que está molhado, isso prejudicará tanto ela quanto seu carro pois com o tempo a pintura do veículo começará a ficar desgastada.

Evite também utilizar quando estiver com o motor quente, sempre escolha colocar a capa em um momento que seu carro estiver neutro, ou seja, não estiver muito quente, nem molhado, nem sujo.

DICAS PARA TRANSFORMAR SUA GARAGEM EM UMA OFICINA MECÂNICA

COMO TRANSFORMAR SUA GARAGEM EM UMA OFICINA COMPLETA

Nesse artigo você vai ver tudo o que precisa para fazer a manutenção do seu veículo gastando pouco. Invista em boas ferramentas para não ter dores de cabeça no futuro.

Aprenda a usar da maneira correta o macaco hidráulico e os EPI’s, ferramentas indispensáveis para organizar sua oficina da melhor forma.

Como usar o macaco hidráulico do jeito correto

Antes de tudo, para olhar embaixo do seu carro, fazer ajustes, manutenção ou mesmo trocar os pneus, você precisará erguer o veículo. Para isso, você precisará de um macaco hidráulico, ferramenta indispensável. Veja o passo a passo de como usar.

Passo 1: Localize o ponto correto para posicionar o macaco.
Os carros costumam ter duas sinalizações do local exato para colocar o macaco, são pontos que ficam na parte inferior próximo as rodas.

Passo 2: Suba o macaco até o ponto marcado.
Utilize um bom macaco e erga-o até o ponto de contato.

Passo 3: Sempre trave a válvula do macaco.
Rotacione a válvula do macaco no sentido horário, assim o macaco estará travado, ficará preso e sustentando o veículo de forma segura, evitando acidentes.

Passo 4: Agora é só subir o macaco.
Após localizar o ponto de contato, posicionar corretamente e travar, faça a parte simples, erga o macaco até a altura que precisa.

Passo 5: Cuidado ao retirar o macaco hidráulico.
Com cuidado, rotacione a válvula da trava em sentido anti-horário aos poucos, com o macaco destravado o peso do veículo descerá a ferramenta.

Ao manusear o macaco não tenha pressa, precisa ter cautela, pois, o veículo pesa centenas de quilos e pode causar um acidente facilmente. Se for preciso, utilize um cavalete para maior segurança e garantir sua integridade física.

Veja as principais ferramentas para manutenção do seu veículo

Excelente, você já sabe como manusear o macaco, agora vai conhecer as ferramentas necessárias para fazer a manutenção do seu veículo, nesse guia rápido e prático. Veja abaixo:

Chave catraca

É uma ferramenta básica voltada para trabalhar com parafusos sextavados. Esse tipo de parafuso é normalmente grande e resistente, e por isso a ferramenta é muito utilizada no segmento de mecânica.

Cabo de transmissão

Também conhecido popularmente como cabo chupeta para bateria, é desenvolvido especialmente para auxiliar na carga de sua bateria e dar partida caso necessário.

Chave para filtro de óleo

É utilizada para remover filtro de óleo de caminhão e carros, pode ser aplicada em diversos modelos de veículos.

Chave de impacto pneumática

É ideal para fixar e soltar porcas e parafusos, possui alta potência na execução e prestação de serviços. Precisa de um compressor de ar para ser utilizada.

Chave de roda

Como fica claro em seu nome, a chave de roda é usada para trocar a roda de um carro ou o seu estepe. É uma ferramenta obrigatória para ter no porta malas do seu carro.

Funil

Serve para despejar líquidos de um recipiente para outro sem correr o risco de derramar. Realiza transferência de líquidos em grande escala e dispõe de muita agilidade e segurança para realização do trabalho. Disponível em plástico e metal.

Alicates e chaves

O alicate de bico é ideal para torção e cortes de fios e cabos elétricos. Por conter um bico fino, em alguns modelos, também é utilizado em trabalhos artesanais com arames e chapas finas.

As chaves são necessárias para acessar partes do veículo que são parafusadas. Os modelos mais comuns e utilizados são fenda e philips.

Óleo Wd-40 e M1 Starrett

Óleos lubrificantes, WD-40 ou M1 Starrett, são utilizados para serviços automotivos, para lubrificar e limpar os objetos. É ideal para preservação de ferramentas, e na sua aplicação forma uma película que protege contra ações corrosivas e sujeiras. Item indispensável para qualquer oficina, profissional ou por hobby.

Soquetes e cabo T

O cabo T é utilizado para apertar e afrouxar parafuso e porcas que precisam ter mais torque.

Esteira plástica

Muito prática e amplamente utilizada em oficinas mecânicas. Facilita e garante maior segurança para realizar trabalhos de reparos e manutenção embaixo dos veículos. 

Compressor de ar

Pode ser usado na calibragem de pneus, câmaras e balões. Com engate rápido proporcionando maior praticidade no seu manuseio, o compressor de ar possibilita um serviço mais rápido com maior qualidade.

Se pretende usar ferramentas pneumáticas na sua oficina, vai obrigatoriamente precisar de um compressor de ar.

Cavalete

Já o cavalete mecânico é outra ferramenta indispensável. Ele sustenta o veículo para ajudar a manter a integridade física da pessoa que vai precisar trabalhar embaixo do veículo.

Torno e morsa

Oferece muita segurança e praticidade para cortar, acabar e afrouxar peças. Seu ajuste de pressão funciona perfeitamente e a peça que você precisar trabalhar, não vai se mexer e ficará fixa na posição escolhida.

Descubra os Epi's necessários

Agora que você sabe utilizar o macaco hidráulico e já descobriu quais ferramentas precisa para ter uma oficina completa, veja como se proteger e evitar danos à sua saúde com os equipamentos de proteção individual, os famosos e indispensáveis EPI’s.

  1. Máscara de proteção com respirador purificador de ar.

  2. Óculos de segurança com proteção lateral.

  3. Creme de proteção para as mãos.

  4. Protetor auricular.

  5. Luvas de segurança.

  6. Avental de segurança.

  7. Calçado de segurança e perneira de raspa

Saiba qual a melhor forma de organizar a sua oficina

Para você transformar sua garagem em uma oficina de alta tecnologia e funcionalidade, você precisa ter tudo organizado, caso contrário, você não terá paciência para fazer a manutenção no veículo. Veja dicas para organizar melhor seus equipamentos:

COMO TRANSFORMAR SUA GARAGEM EM UMA OFICINA COMPLETA

1 – Separe áreas para diferentes serviços.
Isso torna o trabalho muito mais fácil e rápido. Ao eliminar a necessidade de percorrer um longo caminho procurando ferramentas, você consegue aumentar a sua produtividade, pois encontrará mais facilmente cada ferramenta para cada segmento do veículo.

2 – Sempre organize as ferramentas.
Guarde as ferramentas em locais adequados e mantenha-as bem organizadas, dentro de caixas de ferramentas, e se preciso, instale prateleiras de fácil acesso. Separe as ferramentas grandes das pequenas em caixas organizadoras, isso agilizará muito seu trabalho.

3 – Mantenha a limpeza da garagem.
As oficinas produzem bastante sujeira, por isso é essencial limpar tudo assim que terminar de usar. A limpeza é capaz de evitar acidentes e mantém o ambiente agradável para estar.

4 – As etiquetas te ajudarão muito.
Identifique suas caixas e ferramentas. Se etiquetá-los, você economizará muito tempo quando precisar encontrar algo específico.

5 – Facilite o acesso ao seu equipamento de segurança.
Disponibilizar facilmente o acesso os EPI’s fará com que você ou outras pessoas que usarão a garagem se protejam, desse modo você manterá a sua saúde intacta.

6 – Sua garagem deve ser um lugar de paz.
Pode ser que você esteja montando essa oficina como um hobby, ou para economizar dinheiro, seja qual for o caso, você precisa se sentir tranquilo nesse local.

Deixe com a sua cara, faça a decoração, coloque ar-condicionado, caixas de som, boas lâmpadas (as lâmpadas vintage são uma ótima pedida), quadros, internet wi-fi, água, café e plantas são ótimas opções para deixar tudo mais agradável.

Vídeo - Chave catraca

Agora que você já leu nossa matéria, vamos ver no vídeo com mais detalhes?

Neste vídeo, o Sidney nos fala sobre a chave catraca e algumas opções que o mercado tem disponível, como a chave catraca telescópica, modelo mais utilizado, e outros tipos.

Fique ligado em nosso canal, Em Manutenção. Se inscreva e veja vídeos com dicas e tutoriais sobre ferramentas, acessórios e diversas máquinas. #FAÇAVOCÊMESMO

PELÍCULA AUTOMOTIVA: QUAL A MELHOR OPÇÃO?

película automotiva, qual a melhor opção?

Película automotiva ou insulfilm, são películas de proteção aplicadas nos vidros de carros que servem para diversos fins, como por exemplo:

A privacidade, proteção de raios solares, preservação dos vidros, proteção dos olhos e também ajuda evitar acidentes, já que facilita a visibilidade em dias muito ensolarados.

No mercado existem diversos modelos e diversos preços, mas saiba que você não precisa gastar absurdamente para ter uma película de qualidade.

Vou te mostrar como escolher uma película automotiva com ótimo custo benefício.

Qual película automotiva é permitida

Atualmente existe uma lei que multa motoristas que utilizarem película automotiva de forma errada, por isso é muito importante que você se atente a regulamentação antes de comprar a sua.

A lei fala sobre o escurecimento dos vidros pelo uso da película. Se não quer ser multado siga esses parâmetros:

Parabrisa

A película automotiva não pode escurecer mais que 25%, deve preservar 75% de transparência. Dessa forma há luminosidade suficiente para não prejudicar a segurança no trânsito.

Vidros laterais dianteiros

O escurecimento permitido é de 30%. Sempre deve ser preservado 70% de transparência.

Vidro traseiro

O limite é de 72% de escurecimento por meio da película insulfilm.

A multa

A multa para quem não respeitar essa lei custa 5 pontos na CNH, é considerado uma infração grave e financeiramente há o prejuízo de R$ 195,23. Além do constrangimento em caso de flagrante, a película automotiva irregular deverá ser retirada para poder seguir viagem.

Películas automotivas proibidas

A película espelhada (ou refletida) e o insulfilm G5, são películas que não devem ser utilizadas, pois são proibidas pela lei que regulamenta o uso de insulfilm.

Como colocar película automotiva

Se quer facilitar as coisas procure uma loja especializada de confiança, essas lojas já tem experiência e todo o equipamento necessário e a chance de dar errado são mínimas.

Mas caso queira se arriscar e fazer a instalação por conta própria, esses são os principais passos:

  1. Certifique-se de que os vidros estão muito bem limpos. A superfície deve estar completamente limpa e lisa.

  2. Com o auxílio de uma fita métrica, faça a medida do tamanho exato do vidro do carro e corte a película de forma correspondente.

  3. Retire a película da embalagem e comece a aplicá-la de cima para baixo, cuidado com a formação de bolhas de ar, deve ir aplicando lentamente e em um lugar sem ventilação.

  4. Cole a película no vidro com muita atenção e cuidado. No final passe um pano seco para retirar resíduos.

8 passos de como retirar bolhas da película automotiva

Caso tenham formado bolhas na sua película automotiva, nem tudo está perdido, mas precisará realizar alguns passos para resolver o problema.

  1. Leve o veículo para um local ensolarado, o calor ajuda a refazer o trabalho.

  2. Deixe o veículo no sol por uma ou duas horas.

  3. Utilize um borrifador para umedecer a película.

  4. Não precisa encharcar o insulfilm, apenas molhe para torna-lo maleável.

  5. Use uma agulha ou alfinete para perfurar cada bolha.

  6. Após esse processo, umedeça de novo se estiver seco.

  7. Use um cartão de crédito ou algo similar em 45° de angulação para espremer as bolhas.

  8. Faça isso até que a superfície esteja lisa. Cuidado para não rasgar a película.

Tipos de película automotiva

Existem alguns tipos de película e você pode escolher entre elas, só não se esqueça do que falamos lá em cima, tem uma lei que regulamenta o uso.

película automotiva, tonalidades mais usadas

Insulfilm básico

É o tipo de película automotiva de carro mais comum do mercado atualmente. Não é espessa e o escurecimento varia entre 5% e 35%.

Insulfilm avançado

O que diferencia esse tipo de insulfilm dos demais é o controle da temperatura, também protege contra os raios solares. O escurecimento varia entre 5% a 50%.

Película de segurança

A película automotiva de segurança é similar à básica, com o mesmo nível de transparência. Porém, mais espessa para proteger e proporcionar maior segurança no interior do veículo em caso de atrito.

Insulfilm de para-brisa

Película feita especificamente para o para-brisa, influencia a visibilidade do trajeto, por isso precisa ser de qualidade. Películas com essa tecnologia bloqueiam os raios solares.

Qual marca de película e cor escolher

Sempre opte por marcas reconhecidas no Brasil, nós trabalhamos com uma das melhores películas automotivas, a da World Film. Possui qualidade, durabilidade e excelente custo benefício.

As cores mais comuns de película são as G20 e G35, sendo a primeira de cor mais comum e a outra tendo tom mais claro, por isso é indicada como uma opção mais discreta.

COMO RETIRAR ADESIVOS E RESÍDUOS DE COLA

BANNER-TOPO-MATERIA-TIRAR-ADESIVO-CARRO

Tanto para veículos da empresa como para veículos particulares, sempre fica aquela dúvida na hora de remover o adesivo, será que vou estragar a pintura do carro? Como retirar adesivos do carro sem deixar manchas?

Quando o carro é particular, colamos adesivos para mostrar um pouco da nossa personalidade, adesivos de marcas que gostamos, ou frases que se identificam com nossa personalidade, ou ainda imagens que mostram nossas preferências.

Já em carros da frota da empresa, esses adesivos são muito bem vindos porque ajudam a divulgar o nome da empresa pelo trânsito da cidade a fora.

Mas, tanto para veículos particulares como para veículos das empresas, a dúvida é a mesma na hora de vender ou apenas remover o adesivo: Será que esse adesivo vai sair sem danificar meu carro? Será que vou conseguir tirar o adesivo e toda cola?

Duas maneiras de retirar adesivo do veículo

1. Utilizando o soprador

Vamos começar falando de uma solução que nem todos conhecem, mas é excelente, o soprador térmico.

Também conhecido como pistola de ar quente, é uma ferramenta de porte pequeno, lembra muito um secador de cabelo, mas não julgue ele pelo tamanho, ele é extremamente forte e são potentes. Sua temperatura pode variar entre 300ºC até 600ºC, e por isso, se escolher essa opção, deve lembrar de usar equipamentos de segurança ao manusear o soprador.

O soprador é um equipamento muito utilizado para soldar componentes eletrônicos, unir peças plásticas, secagem de pinturas automotivas, para colagem e remoção de adesivos, diversas funções, desde ascender uma churrasqueira, ajudar a fazer curvas em canos e até deixar uma embalagem de presente esteticamente melhor.

Passo a passo como remover adesivo com o soprador

Pegue o soprador (pistola de ar quente), ele serve pra remover adesivos tanto do vidro como na pintura, lembre q na pintura você deve ser mais cuidadoso.

  •  Segure o soprador e ligue o aparelho, jogue um pouquinho de calor por cima do adesivo, por volta de 10 a 15 segundos.

  • Com uma espátula verifique uma das pontas do adesivo, se subir a ponta está ok, caso contrário, repita o procedimento, jogando mais calor por cima do adesivo.

  • Puxe levemente para trás, na direção oposta, e não para cima. Nessa hora, cuidado para não arranhar o carro.

  • Após retirar todo o adesivo, é possível que fique uma colinha. Pegue uma estopa e use com querosene e finalize o serviço.

  • Caso tenha ficado alguma mancha, aplique cera nessa área.

Quanto a utilização da querosene, que, de acordo com Francisco Satkunas, da SAE Brasil, trata-se de um solvente que não agride a pintura como o thinner ou aguarrás. Mas não deixe de lavar bem a região que entrou em contato com o querosene.

Para saber um pouco mais sobre soprador e dicas de utilização, continue lendo a matéria e assista ao vídeo no final sobre essa ferramenta versátil.

BANNER-TOPO-MATERIA-TIRAR-ADESIVO-CARRO-02

Soprador térmico Black Decker HG1500 1500W 220V

SOPRADOR-HG1500-1
SOPRADOR-HG1500-2

O soprador térmico Black Decker é utilizado para aplicações térmicas e peças com difícil remoção no setor industrial, automotivo e na construção civil. Traz duas temperaturas de calor e se adapta a vários tipos de serviços e superfícies.

Serve para realizar aplicações de películas de segurança no setor automotivo, podendo ser utilizado para fins profissionais, conseguindo auxiliar na alta performance do trabalho executado. Além, claro, de também atender serviços domésticos com muita facilidade.

Soprador térmico Bosch GHG 180 1800W 220V

O soprador térmico Bosch é ideal para montagem e soldagem de plástico, remoção de tintas e aquecimento de tubos de encolhimento. Também é adequado para soldar e estanhar, dissolver juntas adesivas e descongelar tubos de água.

Funciona a base de ar quente, proporcionando temperaturas altíssimas que auxiliam na execução de serviços em diversos setores: industrial, automotivo e na construção civil. Conta com 3 níveis de temperatura: 60º, 350º e 550º.

Vídeo - Soprador térmico

No vídeo a seguir, vamos falar sobre algumas das funções do soprador térmico.

Você sabia que ele serve para higienizar capacete? Sim, e também serve para diversas funções, vem descobrir com a gente.

Fique ligado em nosso canal, Em Manutenção. Se inscreva e veja vídeos com dicas e tutoriais sobre ferramentas, acessórios e diversas máquinas. #FAÇAVOCÊMESMO

2. Utilizando WD-40

Uma outra opção é usar WD-40 para remover o adesivo, para usar essa opção, use um pano limpo e o wd 40, vamos ao passo a passo:

  • Agite bem o spray antes de começar.

  • Aplique o WD 40 na posição vertical diretamente no adesivo.

  • Deixe agir durante alguns segundos.

  • Remova os cantinhos que estão mais soltos, e vá aplicando lubrificante spray nestes cantos.

  • Conforme a aplicação do spray, a cola que está impregnada entre o adesivo e o carro irá se dissolver.

  • Puxe o adesivo pelo canto e se achar que o adesivo ainda está colado, aplique mais lubrificante.

  • Repita os passos acima sempre que sentir resistência do adesivo em ser removido.

  • Após a remoção, realize limpeza para que todo o resto da cola e o lubrificante, saia.

PICAPES, 6 ACESSÓRIOS QUE TURBINAM O SEU TRANSPORTE DE CARGA

Veja 6 Acessórios para Turbinar Transporte de Carga na sua picape

Aqui você verá 6 acessórios para o seu veículo que facilitarão o transporte de carga, dando uma cara totalmente nova ao seu veículo e potencializando o que ele já faz.

Existe algumas regras para que uma carga seja transportada de forma segura em uma picape, como por exemplo, não ultrapassar 50cm da altura da cabine. A carga não deve exceder a largura da carroceria, pois isso poderia causar acidentes no percurso ou mesmo avaria nos objetos transportados.

Outra regra que sempre deve ser levada em consideração é que o peso da carga não pode exceder a capacidade suportada pelo veículo.

A carga deve sempre estar bem amarrada.

As montadores e fábricas investem no aprimoramento de picapes para atender aos mais diversos segmentos e necessidades dos proprietários.

Para isso desenvolveram acessórios que são essenciais para quem necessita melhorar o uso da caçamba. São eles:

Acessório 1: Extensor de caçamba

Algumas picapes perderam espaço na caçamba para ganhar mais espaço na cabine, são as chamadas cabines duplas, encontradas na Strada e Saveiro.

Mas isso fez com que muitos proprietários desses veículos sentissem falta de uma caçamba maior, para solucionar esse problema, foi desenvolvido o extensor de caçamba.

Acessório 2: Rampa de acesso

O transporte de motos em picapes é bastante comum, mas você que já tentou colocar uma moto em cima da caçamba sabe como é difícil. Por causa do peso desse veículo, essa prática pode causar acidentes e prejudicar tanto a saúde das pessoas quanto a moto e o carro.

Para facilitar esse tipo de transporte, o ideal é investir em uma rampa de acesso, o equipamento facilitará muito na hora de subir e descer as motos.

Antes de comprar a rampa, verifique a altura da picape e o peso da moto, dessa forma poderá se certificar de não comprar errado.

Acessório 3: Baú

É um tipo de caixa acoplável na caçamba da picape. Muito usado como porta-malas, serve para uma enorme variedade de objetos.

Os melhores possuem boa vedação e um sistema de segurança com chave, além disso são removíveis e podem ser retirados sempre que o motorista precisar de mais espaço na caçamba.

Acessório 4: Capota marítima

É considerado um dos principais acessórios para quem tem picape, pelo menos para aqueles que não querem uma piscina na caçamba.

A capota marítima é uma lona resistente que protege a caçamba e a carga da chuva e sujeira, como bônus, ela também evita a turbulência e melhora a aerodinâmica do veículo.

Para a fixação da capota, é utilizado botões de pressão ou zíperes. Para conservar sua capota, mantenha os pontos de fixação lubrificados com óleo repelente de água, assim não irá enferrujar.

Acessório 5: Lençol de borracha

Nem todo carro virá com protetor de caçamba, pois eles são opcionais e são vendidos em pacotes básicos ou adquiridos separadamente. Esse acessório serve para proteger a caçamba de riscos, amassados, ferrugem e sol, protegendo seu carro de danos que podem custar caro. 

Para ajudar você que possui uma picape, temos uma opção excelente para proteção da caçamba, o lençol de borracha. Mas o que é o lençol de borracha?

Basicamente, é uma manta que pode ser fabricada em diversas espessuras e larguras. É interessante adquirir esse acessório para proteger pisos de caçambas contra diversos tipos de avarias, como:  arranhões, desgaste climático, apodrecimento, ferrugem e outros.

O lençol, que também é chamado de manta de borracha para carroceria, é feito de material resistente à grande variação de temperaturas e também é atóxico, ou seja, não causa danos à saúde das pessoas. Ele passa por um processo de vulcanização, isso faz com que a borracha seja resistente e durável.

Por isso é recomendado para diversos tipos de carga, inclusive pode ser usado em transporte alimentício, mas verifique sempre as especificações do fabricante.

Veja o vídeo no final da matéria.

Acessório 6: Rede de tampa

A lei é clara, pode andar com a tampa da picape aberta, MAS, a carga não pode estar solta e nem cobrindo a placa.

Os transportes de algumas cargas podem necessitar que você utilize uma rede de tampa, é um objeto feito com uma costura muito resistente que é fixado na parte de trás substituindo a tampa rígida que em alguns carros é removível.

Como proteger caçambas de carros com lençol de borracha

Agora que você já leu nossa matéria, vamos ver no vídeo com mais detalhes? Como proteger a caçamba da sua picape.

Fique ligado em nosso canal, Em Manutenção. Se inscreva e veja vídeos com dicas e tutoriais sobre ferramentas, acessórios e diversas máquinas. #FAÇAVOCÊMESMO

CONHEÇA OS TIPO E SAIBA QUAL GRAXA USAR PARA CADA TIPO DE APLICAÇÃO

SAIBA COMO ESCOLHER A MELHOR GRAXA

A graxa é um composto feito com óleo mineral, emulsificantes e aditivos. Ela é capaz de proporcionar lubrificação para metais e alguns tipos de borracha, isso proporciona a redução do desgaste das peças e melhor funcionamento.

Mas antes de comprar, saiba que as graxas não são todas iguais, para conhecer as principais diferenças, veja esse artigo até o final.

Onde se usa graxa?

A graxa deve ser usada para reduzir atritos e evitar o desgaste e o superaquecimento nos motores. Impede que os maquinários enferrujem ou se degradem.

É fundamental para componentes que tem atrito, como no caso dos rolamentos, mancais, cubos de rodas, correntes, roletes e articulações, e dos mais diversos componentes de equipamentos automotivos, de máquinas agrícolas ou industriais, motores, engrenagens, caminhões, aeronaves, embarcações e também tratores.

O que é melhor, graxa ou lubrificante?

Isso dependerá exclusivamente da necessidade do aparelho, a graxa é um produto usado com a mesma finalidade do lubrificante, de fazer com que as peças não se desgastem com o atrito.

No entanto, para fazer essa escolha, leve em consideração que a graxa funciona bem em rolamentos que operam em velocidades moderadas e as temperaturas não são excessivamente altas.

Já o óleo, tem melhor desempenho em alta velocidade e com temperaturas elevadas, o óleo pode até ajudar no resfriamento dos componentes.

Por isso avalie a necessidade do seu equipamento antes da aplicação.

Diferença entre graxa branca e azul

A graxa azul, é uma modalidade de graxa especial direcionada para rolamentos.

A graxa azul é confeccionada com sabão de lítio e com um óleo de viscosidade média, por isso oferece proteção contra o processo de oxidação e igualmente uma maior resistência ao calor moderado.

A diferença entre a graxa azul para a graxa branca, está na composição, a branca é a base de sabão de cálcio enquanto a graxa azul é feita com sabão de lítio.

Além disso, a graxa azul possui maior resistência a água e resistência mediana a temperaturas elevadas.

A graxa azul é indicada para lubrificação em rolamentos de esferas ou cilindros de alta ou baixa rotação. Como no caso dos:  Motores, engrenagens, caminhões, tratores e automóveis.

Por outro lado, a graxa branca é feita de sabão de cálcio e é muito utilizado na indústria alimentícia por ser considerada segura para trabalho nesses maquinários.

Mas seu uso não se restringe apenas a essa indústria, pode ser usada em outros equipamentos que necessitem a preservação do desgaste causado por atrito. 

Possui baixa tolerância a temperaturas elevadas, porém possui melhor resistência a água do que a graxa azul.

Qual a diferença entre graxa sólida e líquida

A graxa líquida é um lubrificante sintético de aderência elevada em borrachas e metais.

É indicada para ser utilizada em correntes de transportes, trilhos e cabos de qualquer natureza.

Faça uso da graxa líquida onde for necessário cobrir todas as folgas do aparelho, pois sua densidade e fácil aplicação farão com que penetre melhor que a graxa sólida.

É excelente para oferecer lubrificação em locais úmidos e resiste bem a temperaturas elevadas ou baixas.

A principal diferença entre a graxa sólida e a líquida está na consistência e aplicação, os usos são similares e a eficiência também.

Conheça os principais tipos de graxa

Graxa de lítio

É um tipo comum de graxa, muito utilizado e útil, teve seu uso difundido pelas mais diversas indústrias, como na da aviação e na automobilística, tem excelente aderência em superfícies metálicas e apresenta bom desempenho com velocidades altas ou baixas, e carga pesada ou leve.

Pode ser utilizada nos mais diversos equipamentos mecânicos, como rolamentos, mancais, cubos de rodas, correntes, roletes, trilhos e articulações.

É importante lembrar que a graxa de lítio, apresenta desvantagem em não poder ser utilizada como lubrificante em indústrias alimentícias, por se tratar de um sabão metálico.

Graxa de múltiplas aplicações

A graxa de múltiplas aplicações pode ser usada para uma gama variada de mecanismos, como lubrificação de rolamentos de equipamentos automotivos e agrícolas.

Também pode ser utilizada em rolamentos e mancais planos de equipamentos industriais.

Graxa para rolamentos

Os rolamentos, exigem um lubrificante capaz de aguentar condições bastante duras de trabalho: Como a umidade e exposição a temperaturas elevadas.

A graxa para rolamento deve proteger da oxidação, ter excelente resistência a água e aguentar temperaturas mais elevadas.

Em caso de alta temperatura ou alta rotação, é indicada a graxa de lítio. Em caso de lavagem com água, a graxa de cálcio é recomendada.

Graxa grafitada

A graxa grafitada possui óleo, espessantes, aditivos e finas partículas de grafite, o que garante uma lubrificação mais apurada em cabos de aço de guindaste, trilhos de portas de aço e chapas deslizantes em ferrovias, correntes, mancais e articulações mecânicas no geral.

É indicada para deslizamento de baixa velocidade.

Graxa náutica

A graxa náutica possui uma função específica, tratando-se de um tipo de graxa de alta rotação e graxa alta temperatura.

Consegue ser um produto capaz de fornecer condições necessárias para a conservação de diferentes itens imprescindíveis para as embarcações diversas.

A graxa náutica pode ser usada para diferentes necessidades, como por exemplo, para a manutenção de equipamentos de embarcações como pinos de motores, parafusos, porcas, eixos e outros.

PROTETOR DE PELE E DESENGRAXANTE

CONHEÇA OS PROTETORES DE PELE E DESENGRAXANTES

Proteção para a pele, saiba como preservar a saúde da sua pele mesmo trabalhando com produtos químicos.

Nesse guia vou te mostrar produtos que otimizarão o trabalho manual que beneficiará quem geralmente está com a mão na massa, como por exemplo:

  • Pintores
  • Pedreiros
  • Mecânicos
  • Profissionais de diversas indústrias
  • Profissionais da manutenção
  • Profissionais da limpeza

No geral, profissionais que trabalham com produtos químicos e que possam se beneficiar desses cremes protetivos, vou falar sobre os dois principais produtos. O primeiro, são as luvas químicas, em seguida te mostrarei como escolher um bom desengraxante, não perca.

Luvas químicas

É incrível como a tecnologia progrediu tanto que hoje em dia é possível estar protegido sem utilizar uma barreira visível para isso.

As luvas químicas, como são conhecidas, são cremes protetivos que lembram hidratantes para o corpo, tem cheiro agradável e textura suave, porém o segredo é que ele protege além dos hidratantes convencionais.

Com a luva química é possível, por exemplo, pegar em colas e elas não ficarem grudadas em sua mão evitando que causem danos a sua pele.

Elas servem para proteger as mãos do trabalhador, protege contra fissuras, contra rachaduras, desidratação, e também do ressecamento proveniente de contato com produtos químicos.

Luva química substitui a luva física?

Essa é uma ótima pergunta, e a resposta é SIM! Porém, precisa ter cuidado na hora da escolha, pois ela só substituirá totalmente a luva física se o produto de contato estiver dentro do grupo de proteção.

São 3 tipos de luvas químicas e são divididas por grupos, para saber qual grupo escolher confira abaixo se você trabalha com alguns desses produtos químicos e como são divididos, assim você compra o produto correspondente.

Grupo 1

Cimento, cal, excesso de água, argamassa, pó, poeira, tintas à base de água e demais substâncias hidrossolúveis.

Grupo 2

Tolueno, xileno, óleo mineral, óleo diesel, thinner, pós em geral, querosene, gasolina, benzina, aguarrás, n-hexano, cloreto de metileno, percloroetileno, tricloroetileno, nujol, graxas em geral (graxa suja, graxa grafitada, graxa seca), acetona, clorofórmio, negro de fumo.

Grupo 3

Água, touleno, xileno, benzina, querosene, aguarrás, thinner, metiletilcetona/MEK, gasolina, óleo mineral, óleo diesel, acetona, pós em geral, percloroetileno, cloreto de metileno, tintas (tinta base água, tinta à base de óleo, tinta base solvente). Cola de sapateiro, cola, cola instantânea, ácido acético 10%, ácido clorídrico 15%, ácido clorídrico 30%, ácido fosfórico 15%, ácido sulfúrico 15%, hidróxido de sódio 10%, hidróxido de sódio 20%, n-hexano, negro de fumo, lã de vidro. Mistura de cimento: areia e água, argamassa, cal a 4%, nujol, graxas em geral (graxa suja, graxa grafitada, graxa seca), tricoloroetino, clorofórmio, aceto de etila, formaldeído, resinas.

Modo de usar a luva química

Agora que você viu qual grupo escolher, aprenda a usar esse produto. Lembre-se sempre de comprar o correto, conferindo à qual grupo pertence. Essa informação você encontra no rótulo do produto.

  1. Antes do início das atividades, aplique o produto sobre a pele limpa e seca, formando uma fina camada na área a ser exposta.

  2. O produto deve atingir todas as partes sensíveis aos agentes agressivos, tais como: palma das mãos, lateral e ponta dos dedos.

  3. Caso necessário, aplique nos antebraços. Recomenda-se o uso de 1g de produto para a proteção das mãos e 1g de produto para a proteção antebraços do usuário.

  4. Aguarde o produto secar.

  5. Reaplique a cada 4 horas ou após a lavagem das mãos.

Leia aqui antes de usar a luva química

As luvas químicas não protegem as mãos de materiais cortantes, eletricidade, materiais perfurantes e nem de altas temperaturas, para isso é indicado o uso de luvas físicas.

Quando finalizar o trabalho, para limpar as mãos você pode retirar o excesso com papel toalha e lavar com água e sabonete, é o suficiente para remover a luva.

Desengraxantes, a solução para mecânicos

Se o seu problema maior é a graxa que fica nas mãos após o trabalho, te indico o uso de desengraxantes, são produtos próprios para remover por completo a substância oleosa e pegajosa da qual a graxa é feita.

Como funciona o desengraxante?

Foi feito para ser utilizado pelos profissionais que trabalham com substâncias oleosas como os profissionais mecânicos, nas oficinas, nas indústrias e na área de manutenção.

A sua principal diferença para o sabonete comum está na composição, o desengraxante é formulado para ajudar a preservar a oleosidade natural da pele após a eficiente remoção da graxa, já o sabonete não!

Além disso, o sabonete comum não consegue realizar a limpeza tão eficiente, por isso é comum que pessoas que usam o sabonete comum no lugar do desengraxante mantenham uma camada de graxa visível mesmo após várias lavagens.

Preciso mesmo de um desengraxante?

Saiba que essa camada de graxa a princípio é inofensiva, porém, com a rotina de trabalho a tendência é que ela prejudique a pele de respirar e forme fissuras e ressecamento nas regiões atingida.

Essas fissuras, ou pequenos cortes, são entradas para infecções de pele que podem ser evitadas com o simples cuidado de fazer a adequada higienização.

O melhor do desengraxante é que ele possui efeito esfoliante, que ajuda na remoção de toda a oleosidade e não produz ressecamento.

Agora você já que sabe de todas as vantagens, lembre-se de sempre optar por um desengraxante de qualidade ao invés do sabonete tradicional.

O ÓLEO LUBRIFICANTE MAIS FAMOSO DO MUNDO

WD-40 O ÓLEO LUBRIFICANTE MAIS FAMOSO DO MUNDO

Nesse artigo vou te mostrar o porque o WD-40 tem a fama que tem, sendo um produto com mais de 60 anos de fabricação, de formulação secreta e desenvolvido para proteger mísseis espaciais. Toda essa tecnologia, usada para proteger um foguete espacial, hoje é de fácil acesso para você.

Em 1953, três funcionários da Rocket Chemical Company, um pequeno laboratório em San Diego na Califórnia, desenvolveram o que hoje é conhecido como WD-40. Após a realização de diversos testes, foram 40 tentativas até chegar na fórmula conhecida atualmente.

Daí surgiu seu nome. WD-40, ou Water Displacement-40ª Tentativa – em tradução literal Deslocamento de água 40.

Como seu nome sugere, o óleo é feito para evitar que a água cause prejuízos a componentes mecânicos, o que também é conhecido como desengripante, produtos dessa categoria são óleos lubrificante multiuso feitos para serem versáteis e com excelente vida útil.

Porém, o óleo WD-40 não serve apenas para lubrificar correntes e fechaduras, além dessa utilidade, em seu site oficial sugerem ter mais de 2000 usos para o óleo e a lista continua crescendo.

Para que serve o WD-40, e o que é um desengripante?

Antes de tudo, você precisa saber que o WD-40 é um desengripante, esses produtos são conhecidos como lubrificantes, mas que também possuem outras propriedades e utilidades.

Entre elas, prevenir e evitar ferrugem, lubrificar metais, motores, correntes, rolamentos que estejam enrijecidos ou se deteriorando pelo atrito.

O WD-40 é um produto de múltiplos usos, sua fórmula serve para ajudar a resolver problemas de manutenção em diversas áreas e setores.

Pode ser usado tanto profissionalmente, em industrias, ou até mesmo por especialistas de bricolagem. Também serve para usos ocasionais e domésticos, em resumo, o WD-40 é a ferramenta imprescindível para quem quer que seja.

O melhor do WD-40 é sua fácil aplicação acoplada a um sistema de dupla ação, que permite o uso direcionado e inteligente, alternando facilmente entre uma aplicação em área maior para uma aplicação precisa.

Quais as principais funções do WD-40?

Como mencionado, a principal função do WD-40 é servir como um desengripante e proteger metais e outros materiais contra a oxidação e corrosão, além de libertar peças presas e ajudar a evitar o atrito.

O WD-40 repele a umidade e lubrifica praticamente qualquer coisa, também serve para remover óleos, gordura, poeiras e sujidades na maioria dos casos.

Algumas das aplicações do WD-40:

  • Remover ferrugem de ferramentas
  • Limpar a casa e a cozinha
  • Remove adesivos de forma rápida
  • Desemperra fechos de roupa
  • Remove chiclete da roupa
  • Usado para manutenção de carros e motos
  • Aumenta a condutividade em contatos de chaves elétricas
  • Tira lâmpadas com soquete enferrujado
  • Remove gotas de água do espelho
  • Evita a corrosão do chuveiro
  • Pode ser usado nas escovas do aspirador de pó
  • Ajudar a remover sujeira da grade da geladeira
  • Em emergência, elimina a umidade de celulares que caíram na água
  • Funciona para cadeados, fechaduras, dobradiças e roldanas de portas
  • Usado para proteger partes metálicas de bicicletas
  • Protege e conserva peças de couro
  • Lubrifica também dobradiças de tesouras de jardim
  • Serve para lubrificar trilho de gavetas
  • Remove giz de cera
  • Limpa madeira suja
  • Facilita a remoção de chicletes do concreto
  • Tira fita isolante derretida
  • Remove cera do sapato

Pode usar WD-40 no motor do carro e da moto?

Não apenas pode como deve. Sabia que até em aviões o WD-40 é utilizado? Então seu carro pode ser protegido com o mesmo desengripante que se protege as peças de um avião, não é incrível?

O WD-40 protege desde as dobradiças do seu carro até o motor, também pode ser aplicado na moto.

Ele facilita a retirada de parafusos, tem a capacidade de revigorar plásticos e as áreas cromadas.

Existem modelos especiais da fabricante WD-40, como o Specialist Moto Limpeza Total, que é um produto usado para remover a sujidade de motos sem danificar.

Mas para proteger as peças das motos, o melhor é utilizar um lubrificante como o WD-40 multiuso, pode ser usado na corrente e na roda dentada, quando aplicar gire lentamente a roda traseira da moto no sentido horário.

O WD-40 spray pode ser usado no motor e nas rodas, mas evite que respingue nos freios e pneus, pois são estruturas que dependem do contato, aderência e fricção para funcionar corretamente.

Quando estiver usando o WD-40 em seu veículo, para evitar que caia em áreas que podem colocar em risco como nos pneus, utilize um pano, plástico, papelão ondulado, ou outra cobertura.

WD-40 O ÓLEO LUBRIFICANTE MAIS FAMOSO DO MUNDO

Curiosidades sobre WD-40

Alguns funcionários da empresa carregavam, sorrateiramente latinhas em suas lancheiras para fora da indústria a fim de utilizarem em suas casas para proteger ferramentas, dar melhor contato na ignição do carro e outros mecanismos que sofriam com a ação da umidade.

Um homem no Texas, Estados Unidos, que secretamente tinha duas namoradas, admitiu pulverização de WD-40 em si mesmo para disfarçar o cheiro da outra mulher.

Em 1993, quando completou 40 anos, o WD-40 já havia vendido 100 milhões de dólares. A cada semana, era vendido 1 milhão de latas de WD-40.

Usos inusitados

– Espantar pombos e outros pássaros do telhado.

– Remover resíduos de tampas de perfumes antigos.

– Deixar escorregadio o trem de pouso do avião, mantendo longe qualquer tipo de animal.

– Untar um ladrão nu apanhado em um duto de ar (sim, isto realmente aconteceu).

E… como posso ter em minhas mãos a fórmula do WD-40? Você não pode. A fórmula está trancada em um cofre de banco em San Diego, California.

Fonte de pesquisa: site oficial WD-40.

ACOMPANHE A ELASTOBOR
Fique ligado em nossas redes sociais e participe de promoções e sorteios exclusivos.

FICOU ALGUMA DÚVIDA?
Nossa equipe está pronta para te atender:

Curtiu essa matéria?

%d blogueiros gostam disto: