Poda de Jardim – Manual de jardinagem

Poda de Jardim – Manual de jardinagem

A poda de jardim é essencial para manter os cuidados com as plantas e árvores de sua residência mais saudáveis. Além de ajudar no aspecto visual, a poda permite que suas plantas se desenvolvam melhor e mais bonitas. Mas é preciso que haja um cuidado frequente.

Isto é, você deve realizar a poda de jardim com certa frequência, permitindo o melhor desenvolvimento das plantas.

Mas para isso, é preciso entender como fazer a poda da forma correta. Para isso, separamos para você um guia completo. Confira!

Quando realizar a poda de jardim?

Primeiramente, é necessário saber quando você deve realizar a poda de jardim. Em geral, o momento certo de fazer o procedimento é quando os primeiros galhos e folhas secas começarem a aparecer.

Além disso, caso note a presença de partes doentes na planta, também é necessário fazer a poda, justamente para evitar que a saúde das demais folhas e galhos seja afetada.

Outro ponto importante a ficar atento é que o poda de jardim deve ser feita, principalmente, em períodos mais quentes. Em épocas mais frias, o desenvolvimento ocorre de forma mais lenta, e a poda pode prejudicá-lo.

Instrumentos para fazer a poda

Logo após entende quando realizar a poda de jardim, é preciso saber qual a ferramenta certa para esse procedimento.

Em primeiro lugar, certifique-se de utilizar lâminas limpas. Caso utilize ferramentas sujas ou enferrujadas, existe o risco de contaminar a planta.

Para ajudar no processos, utilize tesouras para cortes mais precisos e contornos. Porém, para auxiliar em alguns pontos, você também pode fazer o uso de serras-elétricas a bateria, ajudando na eliminação de maiores quantidades de galhos e folhas indesejadas.

Além disso, o ideal é fazer cortes em ângulos de 45º, evitando o acúmulo de um excesso de umidade.

Os tipos de poda de jardim

Por fim, mas não menos importante, é necessário saber qual o tipo de poda certo para cada ocasião, e qual delas você irá realizar.

Poda de formação

Poda realizada para estimular o crescimento e fortificação da planta, dando a ela uma forma básica de trancos e de ramos.

Dessa forma, nesse tipo de poda, são retirados os excessos, deixando a planta com uma proporção mais equilibrada.

Poda de rejuvenescimento

Por outro lado, a poda de rejuvenescimento deve ser feita quando a planta apresenta algumas problemas de recuperação.

Ou seja, ela deve ser feita para recuperá-la, em geral, deixando-a esquelética, somente com seu tronco principal. Contudo, é importante e que ela não seja feita de forma isolada, auxiliar o crescimento da planta com fertilizantes e arejamento do solo também é necessário.

Poda das raízes

Já a poda de raízes deve ser feita em árvores, especialmente aquelas que possuem um crescimento maior e tendem a quadrar ruas e calçadas.

Ou seja, ela é feita, em geral, após a fase de floração da árvore, quando a planta entre em estado de hibernação – entre outono e inverno.

Poda lateral

Por fim, temos também a poda lateral, uma das mais necessárias para plantas em geral. Ela ajuda no controle do tamanho da planta.

Ou seja, a poda de jardim lateral é sempre indicada para quando as plantas estiverem crescendo em excesso. Esse tipo de poda também ajuda a dar mais espaço para as plantas, aumentando a luminosidade de todo o jardim.

 

Para te ajudar na poda de jardim e conseguir os melhores resultados, você pode optar por compras suas ferramentas na internet. Para isso, basta acessar o site da Elastobor e buscar pelas ferramentas ideais para todo tipo de trabalho.

 

Deseja adquirir esses produtos ? Acesse nossa loja virtual abaixo: https://www.elastobor.com.br/jardinagem?utm_source=jardimblog&utm_content=jardimblog

Ou se precisa conversar e obter mais dados técnicos , fale com um consultor via whatssap 1198792-0030 ou preencha o formulário que ligamos pra você !

Até a próxima matéria! 😉

Curtiu essa matéria?

%d blogueiros gostam disto: