Descubra como EPI salva sua vida

Descubra como EPI salva sua vida

Banner topo da matéria

O termo EPI é muito utilizado no dia a dia do trabalhador e os empregadores sempre tendem a bater na mesma tecla com aquela famosa frase: “você precisa usar o EPI”.

Pode parecer chatice ou aborrecimento para quem escuta, mas a verdade é que o EPI é essencial para o trabalhador.

O EPI se refere aos equipamentos de proteção individual, ou seja, vestimentas e acessórios que o trabalhador utiliza para se proteger de uma possível situação de acidente de trabalho.

Mesmo o tema EPI e segurança do trabalhador ser um assunto gasto os números ainda são alarmantes, segundo matéria do G1.

A cada 3 horas e 40 minutos, morre um trabalhador devido a acidentes em serviço, com esse cálculo o país registra em média 700 mil casos por ano de acidentes ligados ao trabalho.

Qualquer profissional que exerça uma atividade que coloque-o em risco deve fazer uso obrigatório do equipamento de proteção individual, dentro dessa categoria podem estar incluídos, óculos, protetores auriculares, máscaras, capacetes, luvas, botas, cintos de segurança, até mesmo o tão básico protetor solar é considerado um EPI.

A lista é extensa e varia conforme a área de atuação do trabalhador. No entanto, são indispensáveis em fábricas e processos industriais.

Abaixo vou falar mais sobre algumas atribuições exigidas pela norma que regulamenta o uso de EPI, mas de antemão, saiba que você tem direito garantido por lei de receber seu EPI por parte do empregador para realizar seu trabalho, no entanto, é sua responsabilidade conservá-lo e principalmente fazer o adequado uso.

A empresa deve fornecer o devido treinamento para utilização dos equipamentos caso necessário.

Vamos lá, primeiro saiba que as atribuições referentes ao uso dos equipamentos são de responsabilidade coletiva, tanto por parte do empregador quanto a do empregado, dessa forma, em conjunto devem se organizar para que não haja risco ou prejuízo nas atividades exercidas.

  • Fornecer os EPIs adequados de acordo com as atividades exercidas.
  • Exigir o uso desses equipamentos.
  • Fornecer somente equipamentos aprovados pelo INMETRO
  • Deve proporcionar o treinamento para uso, guarda e conservação do EPI.
  • Realizar a troca do equipamento se estiver danificado ou houver a perda.
  • Garantir a higienização e manutenção periódica.
  • Se observar irregularidades, deve comunicar o MTE.

O empregador tem bastante obrigações e se fizer sua parte cabe ao empregado realizar o restante. Dessa forma será garantida a segurança do cidadão.

  • Usar o EPI para o que ele se destina. (Jamais coma dentro do capacete, parece piada, mas algumas pessoas fazem isso, o que reduz a durabilidade do equipamento que deve estar em sua cabeça!)
  • Guardar o equipamento e mantê-lo em bom estado de uso.
  • Caso perca o equipamento deve comunicar ao empregador para substituição.
  • Por fim, deve cumprir as especificações dadas pelo empregador para o uso do EPI.

Então fique atento, principalmente se você for empregador, saiba que a justiça do trabalho não exime a empresa do pagamento de uma eventual indenização caso aconteça acidentes com o trabalhador, mesmo que seja comprovado por documento assinado que o EPI foi entregue para uso, porque a norma coloca a encargo do empregador garantir o uso do equipamento, mesmo que para isso ele precise utilizar de medidas como fiscalização e medidas coercitivas.

Se você estiver no posto de trabalhador as exigências são menores, basta fazer o uso adequado e conservar o equipamento conforme o treinamento que você recebeu. Caso a empresa não forneça o EPI ela está cometendo infração e é seu direito exigir esse equipamento que manterá sua integridade física ou mental.

Por fim, o uso de EPI deve ser encarado acima de uma mera obrigação, por vezes é a única barreira que separa você de doenças, de acidentes, de lesões gravíssimas e incapacitantes, fazer o uso correto do equipamento de proteção é um gesto de amor por aqueles que te amam e estão esperando que você volte inteiro para casa.

Se conscientize sobre a importância de seu uso!

ACOMPANHE A ELASTOBOR
Fique ligado em nossas redes sociais e participe de promoções e sorteios exclusivos.
       
FICOU ALGUMA DÚVIDA?

Curtiu essa matéria?

%d blogueiros gostam disto: